segunda-feira, 14 de março de 2016

Bob Fernandes: Se eleito presidente hoje, um Moro teria que governar com esse mesmo “Sistema”


Contra o governo Dilma, Lula e o PT, a maior manifestação da História.

Domingo já é o passado. Questão crucial se impõe à "Política". Qual o futuro próximo? De qual origem?

Hostilidades também contra Aécio e Alckmin - e a rápida saída de cena de ambos- ecoam o confessado pelo próprio Fernando Henrique:

- Nosso Sistema Político acabou...

Sistema que renasceu na Nova República, em 84/85, com o enterro da ditadura. 

Ditadura corrompida pela tortura, mortes e corrupção abafadas pela censura. Como em toda ditadura. 

Nas eleições indiretas, com Maluf x Tancredo, alicerces do presente. De um lado, o malufismo, o malufar no "aliciar" delegados do colégio eleitoral.

Pela República que se anunciava "Nova", governadores, também do PMDB, também "aliciando", na mesma moeda do malufismo.

Num tempo ainda de malas, jorravam fundos para milionárias campanhas.

Vozes e porta-vozes, propositores ou nascidos com a ditadura, saltaram, trocaram de Sistema.

Então o PT isolava-se: pregava uma revolução nos métodos não só do fazer, também do financiar a Política.

No Poder, para manter-se no Poder, deu-se o concubinato também do PT com porções do empresariado e do próprio Estado.

O mesmo Sistema que, ressalvadas exceções, opera nas eleições para Executivos e Legislativos por todo o país.

E para os grandes partidos; raras exceções entre os pequenos.

No sábado, 12, na Convenção do PMDB, perfeita tomografia desses 31 anos. Notem as imagens.

...Eduardo Cunha, Renan Calheiros, Sarney, Jáder, Eliseu Padilha, Romero Jucá, Lobão, Moreira Franco...e ainda menores.

E Temer, que mesmo citado em prosa e verso se diz pronto para assumir.

Estes PMDBs serviram e serviram-se nos governos Dilma, Lula, Fernando Henrique, Itamar, Collor e Sarney.

Qual futuro desse Sistema, e com 35 partidos? Com um quarto dos parlamentares investigados no Supremo em 500 inquéritos?

Hoje aclamado nas ruas, se nesse futuro próximo -só por hipótese- um juiz Moro se elegesse presidente teria que governar... com esse mesmo