sábado, 26 de março de 2016

Chamada de golpista por jornais estrangeiros, Globo tenta mudar discurso


Denunciada por mais uma vez patrocinar um golpe de estado no Brasil, a Globo tenta reescrever seus capítulos recentes para escapar do julgamento da história e da opiniões pública internacional - tarefa inglória. No site Carta de Campinas, há uma coletânea de jornais e revistas estrangeiras que tem afirmado claramente o papel preponderante do Grupo Globo em mais esta ação antidemocrática. No Jornal Nacional desta quinta-feira, pela primeira vez, a Globo recuou. Espera, com isso, ver o golpe ser sacramento sem sua cooperação direta. Como se o golpismo já estivesse ladeira abaixo.

Após uma repercussão negativa na imprensa internacional, que em grande número de veículos vê a democracia brasileira ameaçada por um golpe parlamentar, o Jornal da Globo e o Jornal Nacional exibiram uma mesma reportagem, pela primeira vez, na defensiva em relação ao processo de impeachment.

Esta semana publicações como o Der Spiegel (Alemanha), BBC (Inglaterra), El País (Espanha), Público(Portugal), The Guardian (Inglaterra), Página 12 (Argentina) e até mesmo a rede de televisão Al-Jazeera, entre outras, denunciaram a ameaça contra a democracia brasileira.

Mesmo no Brasil vem crescendo o entendimento de que o processo conduzido por Eduardo Cunha (PMDB-RJ) com o apoio do DEM e PSDB, partidos cada dia mais atolados em esquemas de corrupção, é um golpe parlamentar. Esta semana, o ex-ministro dos governos José Sarney e Fernando Henrique Cardoso, o economista Luiz Carlos Bresser-Pereira disse que considera o processo de impeachment da presidenta da República Dilma Rousseff um "golpe branco". Segundo ele, a crise atual repete as que antecederam as quedas dos ex-presidentes Getúlio Vargas e de João Goulart.

Para combater o crescimento desse entendimento, a reportagem do Jornal Nacional tentou justificar o impeachment deturpando o discurso dos que consideram o atual impeachment como um golpe.

A reportagem da Globo afirmava que a presidente Dilma Rousseff ou qualquer pessoal que compara o atual impeachment como golpe estava se referindo à prerrogativa constitucional do impeachment e não ao processo originado nas 'pedaladas fiscais' e promovido por parlamentares acusados de corrupção e da própria base governista.

Daí, sem qualquer constrangimento, a Globo entrevistou o ministro do Supremo, Dias Toffoli, perguntando: o impeachment é golpe? O ministro, obviamente, respondeu que impeachment está previsto na Constituição.

Assim também fizeram com relação à ministra Carmem Lúcia (foto), também do Supremo. Ela respondeu corrigindo o repórter que havia afirmado que Dilma Rousseff disse que impeachment é golpe. "Eu tenho certeza que a presidente deve ter dito que, é que se não se cumprir a Constituição, poderia haver algum desbordamento. O que não pode acontecer, de jeito nenhum, é um impeachment sem a observância das regras constitucionais".

Traduzindo: se a Constituição for desrespeitada, e esse é o entendimento, impeachment é golpe. Leia a reportagem.

Leia alguns links de notícias internacionais:
1- A justiça partidária e o limiar do golpe no Brasil - Publico - Portugal
https://www.publico.pt/mundo/noticia/a-justica-partidaria-e-o-limiar-do-golpe-no-brasil-1726722

2- Golpe frio no Brasil - Der Spiegel - Alemanha
https://mamapress.wordpress.com/2016/03/20/golpe-frio-no-brasil-deu-no-der-spiegel/

3- Juiz Moro pode ter ido longe demais - The Economist - Inglaterra
http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,juiz-moro-pode-ter-ido-longe-demais-diz-economist-sobre-grampos,10000021957

4- Juízes justiceiros que sonham com Watergate - El País - Espanha
http://brasil.elpais.com/brasil/2016/03/19/opinion/1458424342_316271.html

5- The Listening Post (Full) - Dilma Rousseff's Watergate - Al Jazeera - Emirados Arábes
https://www.youtube.com/watch?v=1gMrRORKyHQ

6- O Brasil perante o abismo - El País - Espanha
http://brasil.elpais.com/brasil/2016/03/17/opinion/1458217938_780442.html?id_externo_rsoc=TW_CM

7- Os deslizes do juiz Sérgio Moro - The Huffington Post - Estados Unidos
http://www.brasilpost.com.br/rafael-rodrigues/sergio-moro_b_9501926.html?utm_hp_ref=brazil