terça-feira, 5 de abril de 2016

STF manda Cunha analisar pedido de impeachment de Temer


Marco Aurélio acolheu pedido de advogado que acusa vice-presidente. Advogado acusa Temer de editar decretos semelhantes aos de Dilma.

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que receba um pedido de impeachment do vice-presidente Michel Temer e envie o caso para análise de uma comissão especial a ser formada na Câmara.

A decisão atende ao pedido de um advogado, Mariel Márley Marra, de Minas Gerais, que acionou o STF para questionar decisão de Cunha que arquivou uma denúncia que ele apresentou contra Temer, em dezembro do ano passado. O presidente da Câmara entendeu que não havia indício de crime de responsabilidade do vice-presidente.


Assista também, Mário Sérgio Cortella: "Dilma foi presidente que mais combateu corrupção"