terça-feira, 21 de junho de 2016

Jair Bolsonaro vira réu em duas ações no STF.


A denúncia da Procuradoria-Geral da República contra Jair Bolsonaro por apologia ao estupro contra a deputada Maria do Rosário foi votada hoje na Primeira Turma do STF e foi aceito pelo placar de 4x1.

Na acusação, a vice-procuradora-geral da República, Ela Wiecko, concordou com os argumentos do Conselho Nacional de Direitos Humanos, que afirmaram que a imunidade parlamentar de Bolsonaro não é desculpa para que ele faça apologia de um crime — até porque, depois da briga com ela na Câmara, Bolsonaro repetiu tudo em entrevista ao jornal "Zero Hora".


Confira também, Ciro Gomes fala sobre liderança e gestão de Haddad: