segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Greenwald: Brasil de Temer adora servir aos EUA


247 – Diante da notícia de que o Brasil deverá retirar a exigência de vistos para visitantes de alguns países, entre eles Estados Unidos, Japão, Canadá e Austrália, o jornalista norte-americano Glenn Greenwald fez uma crítica à gestão de Michel Temer e sua política externa diante dos americanos, comparando-a com o governo anterior.

"Um elemento central da política externa do Brasil tem sido sempre a reciprocidade, mas o presidente recém-instalado adora e quer servir US", postou o jornalista, vencedor do Prêmio Pulitzer, em sua conta no Twitter, ao compartilhar uma notícia relacionada ao assunto.

A intenção do governo brasileiro é impulsionar o turismo, e para isso liberar a entrada de alguns estrangeiros mesmo que não haja reciprocidade. Ou seja, mesmo que brasileiros sejam obrigados a apresentar vistos para entrar nesses países, o mesmo não será feito por aqui, de acordo com um porta-voz do Ministério do Turismo, segundo reportagem da Agência Reuters.

A medida foi aplicada durante a Olimpíada. A ideia do ministro do Turismo, Marx Beltrão, seria estendê-la por mais 12 meses. Para isso, porém, a pasta precisa de autorização de outros departamentos do governo, especialmente o ministério das Relações Exteriores, comandado por José Serra.


Confira também, Cristovam Buarque admite que golpe a Dilma era pra aprovar PEC 241