terça-feira, 11 de outubro de 2016

Juíza manda retirar da internet posts mentirosos de Kataguiri sobre Ney Matogrosso


Revista Fórum - A juíza Daniela Dejuste de Paula, da 21ª Vara Cível de São Paulo, determinou que o Facebook deve retirar as publicações do líder do Movimento Brasil Livre (MBL), Kim Kataguiri, afirmando que Ney Matogrosso apoiava o impeachment de Dilma Rousseff. A ação foi movida pelo próprio artista contra a rede social.

Em 2015, Kim publicou uma foto ao lado do cantor, com a legenda “Depois da manifestação de ontem, encontrei um grande ídolo e defensor do impeachment: Ney Matogrosso”. À época, a história foi rapidamente desmentida.

“Esse garoto chegou perto de mim numa lanchonete em São Paulo e pediu pra tirar uma foto comigo eu disse sim, foram as únicas palavras trocadas entre nós, não sei quem é, nem me perguntou o que eu achava sobre o assunto, é um imbecil!”, afirmou Ney sobre o fato.

Ele chegou a pedir à Justiça que a página de Kataguiri no Facebook fosse bloqueada e que os resultados de busca dele associado ao jovem fossem retirados da internet, mas a solicitação foi negada.


Confira também, Gregório Duvivier explica PEC 241 em três minutos