terça-feira, 4 de outubro de 2016

Para proteger tucanos, PF se opõe a novas delações premiadas



A Polícia Federal tem defendido nos bastidores que não se faça mais nenhum acordo de delação premiada nas investigações da Operação Lava Jato. Na avaliação de integrantes da PF no Paraná, já foi recolhido material suficiente ao longo dos dois anos e sete meses em que a operação está em curso para que apurações próprias sobre o esquema de desvios na Petrobras sejam feitas, sem precisar de ajuda de delatores.

Fica claro a seletividade das investigações, agora que as futuras delações levariam a as denúncias para os políticos do PMDB e PSDB. Vai ficar claro para a sociedade a impunidade perante as estes partidos. 

Fonte: Folha


Confira também, Aula de política brasileira com Ciro Gomes