quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Maia vai gastar R$ 3 milhões em novas poltronas na Câmara


Rodrigo Maia não mede esforços para garantir conforto aos seus pares. A Câmara está disposta a desembolsar R$ 3,1 milhões para adquirir as poltronas onde as excelências vão se acomodar dentro e fora dos gabinetes.

Coisa fina. Devem ser giratórias, conter revestimento de couro ecológico e respaldar (aquele apoio para enconstar a cabeça na hora do repouso).

O edital é claro ao definir algumas das especificações: “o assento deverá ter em sua borda frontal curvatura de 90º, de modo a maximizar o conforto do usuário, evitando pressão dos seus membros inferiores; e almofadas em espuma de poliuretano injetado, moldadas anatomicamente”.
Afundado num material desse, o sujeito aguenta até discurso do Tiririca sem se inquietar.

A licitação foi aberta para a compra de 3,5 mil poltronas. A Câmara estima que a maior parte delas, 3,2 mil unidades, sairá a R$ 915, cada uma.

Se Renan Calheiros souber dos planos de Maia, é capaz de comprar material semelhante para os senadores assistirem ao Super Bonita com mais comodidade.

Fonte: veja



Confira também, Ciro Gomes - Trump é uma condenação do Neoliberalismo