sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Wagner Moura denuncia "Estado de Exceção" no governo Temer


Wagner Moura repudia ação totalmente arbitrária da Polícia Civil do Estado de São Paulo, hoje, na Escola Nacional Florestan Fernandes, centro de formação do MST - Movimento dos Trabalhadores Sem Terra: "Não há dúvidas que vivemos num Estado de Exceção". Confira vídeo: