quarta-feira, 29 de março de 2017

Com 5 ministérios, PSDB agora omite acusações que fez a Temer no TSE

Lula Marques/ Agência PT

247 - Principal aliado da administração de Michel Temer e comandando cinco ministérios em seu governo, o PSDB omitiu, em suas alegações finais ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), acusações que o próprio partido havia feito contra Michel Temer e o PMDB quando pediu a investigação da chapa liderada por Dilma Rousseff.


A comparação entre os dois documentos evidencia a mudança de visão dos tucanos sobre o processo quando, na peça inicial, pedia punição aos beneficiários das irregularidades, em clara referência a Temer e, no documento final, faz questão de ressaltar que não houve envolvimento de Temer em práticas ilícitas.




Responsável pelo pedido que pode levar à cassação do presidente, o PSDB é hoje o principal aliado do governo e comanda cinco ministérios.

As informações são de reportagem de Eduardo Bresciani em O Globo.



A polêmica entrevista de Ciro Gomes (Sem cortes)