segunda-feira, 13 de março de 2017

Lava Jato opera milagre: 3 anos sem indiciar um único tucano


Esmael Morais - Iniciada há 3 anos, a Lava Jato chegou nesta quinta-feira (23) à 38ª fase com a Operação Blackout preservando a “fauna” brasileira.


Sem fazer ode ao “punitivismo”, mas apenas a título de comparação, até agora o juiz Sérgio Moro não prendeu nenhum tucano, isto é, político ou tesoureiro ligado ao PSDB.




A seita Lava Jato já encheu o saco porque, além de ser antieconômica e ter gerado milhões de desempregados no país, mostrou com o passar dos anos ser uma investigação “seletiva”, “fascista”, “parcial”, “partidarizada”, etc.

Confira também: Em vídeo, Wagner Moura explica desmonte da aposentadoria de Temer

O objetivo-fixo da estrutura persecutória do Estado (sim, a Lava Jato está no organograma estatal) é tornar inelegível o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na eleição de 2018.

Portanto, Fora Moro, chega de espetáculo!