sábado, 18 de março de 2017

Moreira Franco tenta assumir paternidade da transposição do São Francisco e se dá mal

franco

Revista Fórum - O projeto de transposição das águas do Rio São Francisco para resolver o problema da seca no nordeste existe desde o governo de Dom Pedro II. 



Mais de um século depois, tendo passado pelas mãos de inúmeros presidentes, o projeto só saiu do papel com Lula e avançou com Dilma, e os nordestinos beneficiados com a entrega de um dos trechos do projeto, este mês, sabem que os responsáveis pelas obras foram os governos petistas.


Depois do presidente Michel Temer e até mesmo o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), tirarem fotos na entrega do trecho leste do projeto tentando se associar ao feito, agora foi a vez de Moreira Franco, ministro da Secretaria-Geral da Presidência, tentar assumir a paternidade.

Confira também: Em vídeo, Wagner Moura explica desmonte da aposentadoria de Temer

Pelo Twitter, Franco postou: “Em 6 anos, Dilma não conseguiu entregar as obras de transposição do rio São Francisco. Nós entregamos em seis meses”. O ministro só não avisou que o governo Temer nada fez com relação às obras e que só pegou os últimos seis meses, fase de conclusão, de um projeto que foi todo financiado e incentivado pelos governos anteriores de Dilma e Lula.

Antenados, os internautas sabem disso e o tiro de Moreira Franco saiu pela culatra. As reações à postagem foram 100% negativas, quase sempre o chamando de “cara de pau” ou associando a obra à Dilma e Lula. Confira algumas reações.