quarta-feira, 19 de abril de 2017

Temer vai distribuir cargos para aprovar a Reforma da Previdência que corta sua aposentadoria


Alerta Social - Com nomeações para cargos no governo e ameaças de cortes de cargos, Temer espera aprovar na Câmara a reforma da previdência – cuja base é rejeitada por 93% dos brasileiros.


Segundo a Folha de S.Paulo, Temer determinou a liberação para nomear cargos para cerca de 40 deputados da base aliada, em troca de votos favoráveis. Alguns parlamentares contrários ao projeto teriam feito indicações ainda não atendidas para órgãos do governo.




Indicações para a Polícia Rodoviária Federal, por exemplo, já foram desbloqueadas.

Além disso, o governo quer que os ministros pressionem suas bancadas, e ameaçou cortar cargos de quem não apoiar a medida. Temer ainda condicionou ao apoio a liberação de mais emendas para parlamentares.


Confira também, Aécio Neves: O vídeo que está chocando a internet

São necessários 308 votos para a aprovação. Segundo o Estadão, há apenas 101 deputados favoráveis.

É a política do toma lá, da cá de Temer entregando os direitos dos trabalhadores.